Mortalidade por câncer do colo de útero

O câncer de colo de útero é o segundo tipo de câncer mais comum entre mulheres no Brasil e no mundo (atrás de certos tipos de câncer de pele). Seu controle é considerado prioritário pela Política Nacional de Atenção Oncológica, já que a mortalidade é em grande parte evitável por meio de exames preventivos e rastreamento dos casos. Estima-se que a mortalidade possa cair em até 80% com o uso do exame de Papanicolau e identificação e tratamento de lesões precursoras desse tipo de câncer.

Fórmula:
Número total de óbitos por câncer de colo de útero / População feminina com 30 anos ou mais *100000
Cidade 2014 2015 2016 2017 Opções
Belo Horizonte (MG) - - - -
Belém (PA) - - - -
Betim (MG) - - - -
Brasília (DF) - - - -
Cabedelo (PB) - - - -
Cajamar (SP) - - - -
Camaçari (BA) - - - -
Campinas (SP) - - - -
Curitiba (PR) - - - -
Florianópolis (SC) - - - -
Goiânia (GO) - - - -
Ilhabela (SP) 100.000,00 - - -
Ilhéus (BA) - - - -
Joinville (SC) - - - -
João Pessoa (PB) - - - -
Mogi das Cruzes (SP) - - - -
Poços de Caldas (MG) - - - -
Recife (PE) - - - -
Rio de Janeiro (RJ) - - - -
São Luis (MA) - - - -
São Paulo (SP) - - - -
Dados abertos